Contos Eróticos
 Corno
 Depois dos 50
 Estrupro
 Fetiches
 Gay
 Heterosexual
 Incestos
 Interraciais
 Lésbicas
 Orgias
 Sadomasoquismo
 Teens
 Travestis
 Virgens
 
Aumento Peniano - Tensordin.Net
Aumento Peniano Natural
 

Energérico Potenergic
 
Acompanhante de Luxo Meligue.Net
Acompanhantes de Luxo
   
Contos Eróticos de Incestos
Sacanagem em família
Total de Visualizações: (2584)
 
 
Certo dia, eu e Luana estávamos na piscina quando a nossa mãe nos chamou para ver algumas roupas que ela trouxe de sua loja. Então saímos enroladas nas toalhas e fomos até a sala. Chegando a sala, mamãe estava nos esperando fumando o seu cigarro. Mamãe trouxe para nós alguns vestidos, camisetas, terninhos e ternos masculinos. O engraçado que tinha até um vestido de noiva que eu me apaixonei.

Mamãe não deixou eu experimentar o vestido com o biquíni molhado muito menos Luana experimentar as roupas. Então ela combinou de levar até o meu quarto as roupas para nós duas experimentar depois de nos enxugar. Fomos correndo até o meu quarto, entramos no banheiro, Luana ligou o chuveiro enquanto eu tirava o biquíni. Sempre tomamos banhos desde que éramos crianças. Luana tirou o biquíni e jogou longe. Eu estava pegando as toalhas e fui atingida por um biquíni voador. Nem liguei, separei as toalhas e me juntei a Luana. Luana estava mais bonita, mais magra, seios grandes bem duros e eu com os meus seios de silicone, ela não parava de falar. No banho, rolou algumas brincadeiras como mão na bunda, no peito e alguns selinhos que trocamos. Cada uma passou sabão na outra e os shampoos entraram nessa brincadeira. Acabado o banho, nos enrolamos nas toalhas e fomos para o quarto. Enquanto as roupas subiam, nós duas ficamos fumando na varanda. Nessa hora estávamos apenas de hobby.

As roupas já estavam no meu quarto juntamente com a minha mãe e uma costureira. Luana experimentou um terno masculino, ela ficou bem bonita e sensual. Ficava jogando charme com os seus cabelos para todo o lado. Eu resolvi me vestir de noiva, logo estava vestida pronta para casar e a minha irmã de homem. A costureira deu até a idéia de nós duas fazermos a inversão de papel. Luana nem olhou desconfiada, mas assim como eu gostei da idéia. As roupas ficaram legais em nós duas, mas o vestido faltava ajeitar um pouco da calda. Então fiquei nua novamente enquanto a costureira arrumava o vestido. Minha mãe já havia saído e Luana estava no seu quarto. Fui visitá-la, ela estava deitada vendo tv. Fiquei com ela algum tempo e logo o telefone toca solicitando a presença de nós duas no meu quarto.

Voltamos ao meu quarto desta vez para escolher as lingeries. Eu escolho uma lingerie de cor branca feminina que realça bem os seios, gosto de dar valor aos meus seios de silicone. Luana tinha que esconder os seios grandes, decidiu vestir uma cueca boxer com um realçado de seios. Ela estava bem bonita. Para parecer um homem ela até pôs uma barba postiça e fez um coque nos cabelos. Ela estava adorando. Eu ainda estava sendo maquiada enquanto Luana me esperava no sofá vendo a minha maquiagem. Para a minha surpresa eu fiquei linda uma noiva com buquê e tudo. Luana me serviu de marido e fomos até o quarto dela para fazer a festa.

Agora só nós duas, o clima estava romântico para duas irmãs. A festa começou com nós duas fumando charutos cubanos e bebendo vinho. Luana apertava bem os meus seios, me dava beijo apaixonado e me chupava o pescoço todo. Em seguida, com ajuda da música, Luana começou a dançar sensualmente para mim. Foi tirando a roupa bem devagar e jogando em mim. Em minutos ela já estava nua e se esfregando toda em mim. Eu fiz um stirp sensual para minha irmã, bem devagar fui rebolando e a noiva logo estava despida.

Já nua cai nos braços de Luana, comecei pelos seus seios, mamei direitinho deixei a irmã gemendo. Quando fui para xana, passei a língua até Luana gozar, eu gostava da minha irmã foi realmente quando os seios se encontraram. Luana mamava em mim até cansar, enquanto eu chupava seu pescoço. Em seguida, eu deito de pernas abertas, Luana chupa o meu grelinho e enfia o vibrador com toda força. Fico gritando de prazer, Luana fica empolgada e enfia cada vez mais fundo. Eu gritava mais, gemi até gozar. Gozei na cara de Luana, Luana nem ligou foi mamar em mim. Com os biquinhos bem duros eu dei d mamar para minha irmã. Luana logo foi para xana e lambeu toda. Depois, fiquei em pé e fiz sexo anal com ela com toda força. Rebolei para entrar no brinquedo até conseguir com toda força, nessa hora eu estava super empolgada. Luana ficou me apertando toda, com os meus seios sendo tocado e minha boca sendo chupada. Demorei muito mas tive um orgasmo e Luana adorou. Ela continuou me comendo toda, eu estava sendo a mulher da minha própria irmã. Luana adora uma xana raspada e minha estava raspada ela me devorou. Meus seios estavam duros e Luana mamou bem direito.

Acabamos dormindo juntas e nuas. Luana continuava com a barba postiça e eu adorava. Trocamos muitos beijos antes de dormir e dormimos nos masturbando. Isso estava muito bom. Luana sabia me satisfazer na cama, fiquei feliz por ter transando com ela. Tudo começou como uma brincadeira, mas levamos a sério.

No dia seguinte, fomos acordadas com barulho vindo da piscina. Era o nosso pai nadando com o som alto. Luana levantou primeiro eu continuei dormindo. Luana ficou me chamando para tomar banho com ela e fazer a barba dela. Então ela me puxou da cama e me levou até o banheiro, Luana sentou na privada e eu sentei no colo dela. Ficamos trocando beijos enquanto ela urinava. Ela continuava linda com aquela barba, a verdadeira mulher macho. Entramos para debaixo do chuveiro e acordei, fiquei agitada mamando nos peitos da Luana. Luana deixou eu mamar nos seios dela enquanto ela se banhava, a água escorrendo e eu nos seios dela estava bem divertido. Luana ficou bastante excitada quando eu passava a língua na xana dela e engolia o gozo dela. Metia a mão dentro da bunda dela e ela gritava. Estava muito bom. Luana acabou deitando no chuveiro e eu a devorei, principalmente nos seus seios. Ela estava se divertindo comigo. Ela mamava em mim, mas ela adorava uma língua no clitóris dela, ela ficava louca e gemia alto.

Saímos do banho, nos enxugamos, Luana pegou a gilete nova e o creme de barbear. Eu fiquei observando sentada na privada. Luana fez a barba que nem homem e voltou a ser a bela mulher que era. Estava super bonita. Em seguida, ela voltou para o banho e tirou os pêlos de barba que sobraram. A xana dela estava com os pêlos crescendo então ela me chamou para raspar. Eu fui para dentro do Box com uma nova lâmina e creme de barbear. Comecei a raspar a xana da minha irmã. Em poucos minutos sua xana estava limpa, igual de criança sem nenhum pelo. Pronta para ser devorada. Terminamos o banho de vez, pegamos as toalhas e nos enxugamos.

Quando estávamos nos enxugando papai entrou, ele estava mais musculoso e fumando um cigarro de palha. Viu as filhas nuas, como de costume e disse que estávamos gostosas. Luana disse:
- Papai, eu raspei a xana, está pronta para ser comida. Só a Sarah comeu, mas com pêlinhos.
- Luana, então se prepara que depois do banho quero você e sua irmã no meu quarto. Aproveitem que sua mãe não está e podemos brincar a três.
- Que bom papai. Como você quer a gente?
- Uma igual à outra. De preferência só de cueca branca.
- Está bem, estaremos prontas logo.

Luana fechou a porta do quarto assim que papai saiu e eu fui com ele. No corredor estava nua e ele de sunga. Fiquei apertando para ver se já estava todo ereto, ainda não estava. Então mandei tomar viagra, ele apenas riu de mim. Ele foi para o quarto dele e eu para o meu. Vesti uma cueca boxer branca e fiquei na sacada do meu quarto fumando cigarro de palha. Luana chega vagarosamente e me assusta com o berro dela. Ela estava com os cabelos soltos cobrindo os seios e uma samba canção branca. Nós duas ficamos nos aquecendo para a transa a três, ficamos nos beijando e nos masturbando a dois. Ficamos mais masturbando do que beijando. Logo, nós duas fomos ao quarto de papai. Ele já havia tomado viagra e estava ficando excitado. Quando ele viu as filhas seminuas, o pau cresceu.

Luana chegou bem devagar e fez um boquete nele. Eu fiquei sentada no sofá, apreciando o momento raro de minha irmã transando com o seu pai. Papai ficou tão excitado que gozou quando Luana engoliu o pau todo, deixando as bolas de fora. Para ficar mais excitado, eu fui e ajoelhei ao lado de Luana e fiz um boquete igual, só que mais gostoso. Papai adorou, Luana ficava se esfregando em minhas costas, logo eu e Luana dividíamos o mesmo pau. Papai não agüentou e gozou em nós duas. Eu sento diante dele e fico esfregando os seios na cara dele enquanto Luana ficava com o pau só para ela. Tirei a cueca e joguei longe, e fiquei esfregando a xana na boca e papai enfiando a língua. Luana continuava com o pau na boca esperando ele gozar. Quando gozou, eu fui arremessada longe da cama, parei no chão. Papai me pegou e enfiou logo o pau dentro da xana, ele enfiava e tirava com muita força chegou a me machucar. Luana ficou nas minhas costas se esfregando e pegando os meus seios, coisa boa. Depois papai pegou Luana e fez o mesmo, eu fiquei segurando Luana para não fugir, a beijava e mordia bastante. Em seguida, eu fui pega para fazer anal, fiquei de costas e rebolei até ele conseguir enfiar tudo dentro de mim. Enfiado tudo cavalguei tranqüilamente, até cansar. Estava sendo comida por um homem atrás de mim e uma garota na frente incrível, mas isso eu gosto. Luana ficou mamando em mim e disputando-me com o nosso papai. Ele estava se divertindo. Quando consegui sair papai gozou em mim, dentro do rabo, senti aquilo escorrendo. Luana ficou atrás lambendo e enfiando o vibrador em mim. Deliciosa a situação. Em seguida, Luana fez vaginal com papai, o casal se divertia enquanto eu ficava ajudando papai. Disputando a xana dela, Luana chegou a ter um de verdade e um de plástico dentro dela. Ela não agüentou e gozou legal. Ela ficou toda molhada, molhando o meu pé e se recuperando. Enquanto isso papai mamava em mim, certo momento tive que ensinar a ele mamar no meu peito. Ele ria. Logo, eu voltei com o anal, com o anal era o melhor jeito que eu me entendia com papai. Qualquer coisa, só era satisfazer ele com o minha bunda que ele sabia como me fazer feliz com relação de incesto. Luana também disputava, ela me enfia o brinquedo dentro de mim, eu gritava e me enfiavam cada vez mais fundo. Só pararam quando tive um orgasmo depois de engolir vários gozos das duas pessoas.

Chegou a hora de nós duas brincar com o papai, Luana o derrubou e ficou em cima dele com a xana sendo devorada pelo seu pai. Ela se divertia tinha os seios tocados e chupados o tempo todo. Depois com o anal, ela se machucava toda, mas gostava. Luana ficava mais no vaginal. Depois eu e ela transamos para papai ver, devorei a xana de Luana e ela os meus seios de silicone. Papai batia punheta para não perder a ereção. Certo instante eu e Luana voltamos a transar com papai nos devorando. Eu fui a mais devorada, eu no centro, Luana comendo minha xana e papai comia o meu cu todo. Incrível, estava admirando gozei várias e tive um orgasmo que valeu muito. Continuei a trepar. Mas dessa vez fiz a inversão de papel com papai, enfiei o brinquedo no rabo dele até cansar. Ele não cansava, pois estava com Luana fazendo boquete nele. Eu continuei enfiando e ainda o fiz chupar. Luana o fez ficar de quatro e enfiou o vibrador com mais força e o ligou. Ele adorou, eu fiquei excitada. Papai também, disse que só faltava mais um homem. Para terminar ele fez a posição 69, com cada uma, estávamos nos divertindo. Ele parou no meio, correu para o banheiro onde tomou um banho para se limpar e deixou eu e Luana sozinha. Estávamos fazendo 69, quando ele sae engravatado e vai trabalhar. Luana e eu continuamos, Luana esfregando direitinho a língua em meu clitóris. Estava bom, eu e Luana disputamos quem gritava mais, eu gritei Luana perdeu e teve que ficar de quatro para apanhar.

Terminamos de transar, mas continuamos namorando. Fomos para o meu quarto, nos trancamos dentro dele e ficamos na hidromassagem nos divertindo. Ficamos conversando e descansando, fumamos alguns cigarros.

Terminamos no momento exato, mamãe chegou do trabalho dela e nos encontrou no meu quarto fumando charuto. Estávamos nuas, mas ela nem ligou porque estava acostumada a nos ver assim. Ela nem desconfiou do que aconteceu.

Então terminamos de fumar e Luana foi embora para o seu quarto. Antes de ir conversou que tínhamos que ir para chácara ficar o dia inteiro trepando com o nosso pai e convidadas. Isso já aconteceu em breve mais notícias.
Autor: desconhecida
•••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••••
Comentários
 
Perfumes Afrodisíacos Acompanhantes SP Loja de SexShop
Perfumes Afrodisíacos Fantasias Eróticas Loja SexShopClub
Contos Pornô